• Renato Martins

No Stupid Solution – Funk is not dead


avatars-000080947575-aqpbv2-t500x500

Vindo da capital Porto Alegre – RS, Luiz Caimi é o idealizador das músicas, junto da produção do Chernobyl. Com um EP de 4 músicas, alguns remixes e mixtapes, o projeto começa a tomar cada vez mais corpo e vem definindo sua linguagem sonora. No remix de Vai Popozuda, o estilo do NSS soa bem claro junto dos vocais do Edu K.

Assim como no remix para as Pérolas Negras, onde o tamborzão esta mais do que presente no hip-hop global das cariocas. Mas calma, as guitarras não se foram, elas são a marca do NSS.

O NSS caiu no conhecimento do público com uma música no EP do selo Braza, que mostrou os produtores do Sul. Em uma conversa com Luiz, ele conta que no RS a ideia do funk com guitarra é comum, aliás, o rock é bem popular na capital, e por isso a mistura não soa estranho para os gaúchos. Disse que “ainda rola muito preconceito com o funk”, mas a mistura agrada e nos seus shows, onde divide o palco com o produtor Chernobyl que fica nos decks soltando a batid, Luiz canta e toca a guitarra. Show ousado!

1001435_714616458564903_1988897147_n

O projeto tem força e se mostra bem interessante, o produtor ainda promete mais músicas com a santista Mc Gi e com o Edu K. Mesmo com vocais em inglês, as músicas tem ritmo e leva o suingue carioca. Para fechar de cabeça o post, vai curtindo a mixtape que ele gravou. Aproveite e apoie o trabalho do produtor seguindo ele no soundcloud e na sua página do facebook. #funkisnotdead

#guitarra #funk #RioGrandedoSul #nss #luiscaimi #chernobyl #funkcomguitarra #notstupidsolution

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo