• Renato Martins

Funk-Nejo

É bem comum um estilo musical se influenciar de outro e assim regravar uma versão, ou usar um beat, um sampler na sua composição. Porém, há algum tempo que o Sertanejo Universitário tem sem apropriado de quase tudo do funk.

Regravações, uma atrás da outra, de produções que até então eram do funk, porém sem dar créditos, direitos ou qualquer atribuição a original. Uma das mais conhecidas é a versão de Sertanejo de “Sou Foda” e “Um Pente”

Agora as originais:

Agora o maior hit do momento desse Funk-Nejo, é o “Tchum Tcha Tchu Tchum Tcha” que não é nada menos que o beatbox do funk (o tamborzinho) e algum refrão para completar a música.

Essas versões nos mostra que é interessante ver como um estilo, com uma roupagem totalmente diferente, consegue ser aceito pela público. O funk continua com suas características e ainda é visto como som da favela, som do Rio de Janeiro, um som proibido. Enquanto o Sertanejo Universitário que se apropria das letras, e agora até do beat do funk, mostra-se em grande ascensão e aceitação.

Será que um dia o funk entrará na Universidade? Este é o segundo movimento de Universitários, já tivemos o Forró e agora o Sertanejo.

#funk #funknejo #sertanejo #universaidade

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo